quarta-feira, 4 de julho de 2012

Harry Potter e a Pedra Filosofal, de J.K.Rowling

Capa "Harry Potter e a Pedra Filosofal"

Título Original:
Harry Potter and the Philosopher's Stone
Autor(a):
J.R. Rowling
Origem:
Grã-Bretanha
Tradução:
Lia Wyler
Editora:
Rocco
Ano:
1997


Harry Potter é um garoto comum que vive num armário debaixo da escada da casa de seus tios. Sua vida muda quando ele é resgatado por uma coruja e levado para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Lá ele descobre tudo sobre a misteriosa morte de seus pais, aprende a jogar quadribol e enfrenta, num duelo, o cruel Lord Voldemort.
Com inteligência e criatividade, J. K. Rowling criou um clássico de nossos tempos. Uma obra que reúne fantasia e suspense num universo original atraente para crianças, adolescentes e adultos.

Enfim, férias! Depois de um longo e rigoroso semestre, afinal chegou o meu merecido descanso. E convenhamos: parecia que nunca mais acabariam as aulas... Principalmente depois do fiasco que foi a semana cultural da minha sala (semana cultural é a razão da existência das salas do ensino médio da minha escola: são uma série de atividades teatrais e apresentações que as classes devem preparar para mostrar aos professores que darão notas e a classe vencedora ganha... Bem, não ganha um prêmio, mas a graça está em avacalhar com os perdedores. Infelizmente, minha classe perdeu... Mesmo eu não ficando muito surpresa, diga-se de passagem, mas fiquei chateada. Agora é aguentar a classe vencedora tirando uma da nossa cara). Foi um período realmente estressante, tanto que eu nem consegui publicar no blog... Mas agora prometo voltar com força (kkkkk).
E falando em escola, que tal comentarmos hoje sobre a escola mais famosa e especial que existe na literatura fantástica? Sim, meus caros, Hogwarts, a escola de magia e bruxaria. E assumam: todos sonham com o dia em que uma coruja pouse em sua janela trazendo a carta de convocação (rsss). Se eu entrasse nesta escola, me recusaria a sair de férias.
Hogwarts será o verdadeiro lar de Harry Potter, um menino magrelo de óculos aparentemente comum e sem graça que na verdade é a esperança de todo mundo bruxo para livrar-se de um grande vilão, Lord Voldemort. Este último matou os pais de Harry graças a uma profecia - que somente será esclarecida nos próximos livros – e o menino passa a morar com seus irritantes tios sem saber que na verdade é um bruxo...
... até que, com 11 anos de idade, coisas estranhas começam a acontecer com Harry. Mas o que realmente vai virar sua vida de cabeça para baixo são corujas que carregam cartas. Sim! “Corujas-carteiras”! As aves tentam por sucessivas e fracassadas vezes entrega cartas ao Harry, mas seu tio impede que isto aconteça, mudando a família para um local bem afastado do resto da civilização. O que eles não esperavam, entretanto, seria o aparecimento de uma adorável criatura, Hagrid, um homem tão grande quanto sua bondade (apesar de colocar um rabo de porco no primo de Harry, muito merecidamente). Hagrid explica a Harry que o menino é um famoso bruxo que é convocado a entrar na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.
No caminho para se preparar para seu ingresso na escola, Hagrid explicará muitas coisas para Harry, entre elas sobre seus pais e sobre o mundo bruxo, e como presente de aniversário, Hagrid lhe dá uma coruja que se tornará sua companheira pelos anos que se seguirão, Edwiges.
Mas muitas coisas são misteriosas ainda para Harry, como o misterioso objeto que Hagrid pega em um vazio cofre do banco... O que Harry não sabe é que este objeto tornará seu primeiro ano na escola muito turbulento e anormal... Como se uma escola de bruxos já não fosse o suficiente. Neste ano, Harry conhecerá seus melhores amigos que o acompanharão por toda a sua vida: Ronald Weasley, ou somente Rony, seu amigo fiel e companheiro para todas as horas – menos quando aparecem aranhas, que são seu pesadelo – e Hermione Granger, inteligente sem igual, mas muito prepotente. Juntos, os três prometem mudar Hogwarts e todos que vivem nela... E a vida de seus leitores... 
Para qualquer um que leu Harry Potter e a pedra filosofal, primeiro volume da saga, mesmo que não tenha gostado (o que eu acho um pouco difícil), sua vida sofreu uma drástica mudança. Desconfio que muita gente já pegou algum graveto escondida da sociedade e disseram algum feitiço (eu pessoalmente adoro lançar um Avada Kedavra de vez em quando). A verdade é que J.K. Rowling foi brilhante em sua criação! Apesar do livro não entrar para os meus tops (porque faltou algo na história para me envolver totalmente), os livros são admiráveis. Já ouvi muitas criticas negativas por ai a respeito da história, mas todos devem concordar que a escritora merece um pouco de respeito pela sua criatividade e por sua obra ter atingido tantos pessoas pelo mundo inteiro com esta magnitude. Aplausos para J.K. Rowling!

10 comentários:

Fefa Rodrigues disse...

LI e assiti toda a série e me supreendo sempre com a capacidade da autor de criar um mundo tão cheio de detalhes... mesmo nível de Nárnia!!

Gabi Castro disse...

Eu também me surpreendo com esta criatividade... O que será que eles tomam para conseguir esta capacidade?

Glaucia Matos disse...

Hum, esses dias vi uma promoção bem bacana de todos os livros da série, e fiquei tentada a comprar. Quem sabe depois de ter lido sua resenha, eu não o compre!? ^^

www.leitorait.com

@leitorait

marie vampi disse...

Harry Potter...Simplesmente PERFEITO!!!

*-*

Fefa Rodrigues disse...

Adorei a frase lá em cima!!!;o)

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Concordo com a Fefa. A frase aí em cima diz tudo.

Fora Harry Potter, só tem uma série que me deixa de cabelo em pé: As Crônicas do Gelo e do Fogo (aliás, Gabi, por que vc tirou a Dany e o Drogon? Eu gostava tanto...). Amo Harry Potter de paixão, e sou como o Snape: after all this time? ALWAYS!

Beijos!



(não acredito que ainda não tinha visto esse post...com o olho clínico que eu tenho pra HP...)

Michele B. disse...

harry potter já é um clássico! Todo mundo deveria ler. quando alguem me diz q não leu fico de boca aberta.
hp é perfeitoooo

http://lostgirlygirl.blogspot.com.br/

bjos

JP Neto disse...

Este livro fez parte do meu crescimento como leitor, e assim como fez comigo, incentivou milhões de crianças e adolescentes pelo mundo a tomar gosto pela leitura. Só por isso já merece meu respeito.

Alguém aew queria mais? Eu sim!

Gabi Castro disse...

Michele, eu tbm ficou de boca aberta! Em que planeta esta pessoa vive? E Neto, tem um site da própria autora sobre HP, é muito bom, só que é inglês (e eu nao tenho paciencia para ficar traduzindo... mesmo com o google tradutor, que sempre traduz tudo errado). Para quem quer uma pouco mais de HP... ^^

Anônimo disse...

Não existe nenhum livro da serie Harry Potter que não seja bom .Todos são maravilhos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...